INFORMAÇÃO SUMÁRIA

 

Padroeiro: Divino Salvador.

Habitantes: 1377 habitantes (l.N.E. 2011) e 876 eleitores em 05-06-2011.

Sectores laborais:  Comércio, Hipermercados, Indústria, Serviços, Agencias Bancárias, Pecuária, Agricultura e Construção Civil.

Tradições festivas: Santa Luzia ( 2ºdomingo de Dezembro).

Valores Patrimoniais e aspectos turísticos: Igreja Paroquial, Quintas de Santa Quitéria e do Espírito Santo, Casa da Antiga Cadeia, Campo de Golfe de Ponte de Lima, Nicho do Senhor de Pias, belezas ribeirinhas do rio Trovela.

Gastronomia: Sarrabulho.

Artesanato: Cantaria.

 

 

ASPECTOS GEOGRÁFICOS

 

Feitosa encontra-se a poucas centenas de metros da margem esquerda do rio Lima. A interpor-se entre o rio e a Freguesia de Feitosa está a Freguesia de Ponte de Lima. A Freguesia de Feitosa tem, por isso, os seus limites, na parte Norte, estabelecidos com a vila mais antiga do país. Aliás, actualmente, a parte urbana da Freguesa de Feitosa se confunde com a urbanidade da vila limiana. A sul, é com a Freguesia de Rebordões – Santa Maria que se estabelecem as demarcações. A nascente estão as freguesias de Arca e de Fornelos A Poente, é o rio Trovela e a Freguesia da Correlhã a definirem fronteiras.

A Freguesia de Feítosa ocupa uma área de aproximadamente 307 ha, que se distribui por uma parte urbana, confundida que como já se referiu com a vila de Ponte de Lima, e por outra parte rural com aquelas características próprias das terra alto-minhotas.

 

RESENHA HISTÓRICA

 

A história de Feitosa, conforme se pode verificar no texto do livro “Inventário Colectivo dos Registros Paroquiais Vol. 2 Norte Arquivos Nacionais /Torre do Tombo”, que transcrevemos na integra, dá a saber que: «Em 985 o conde Telo Alvites e esposa D. Muma doaram ao mosteiro de Ante-altares a “villa de Paratela” e a Igreja de S. Salvador.

Feitosa figura em documentação dos séculos XII e XIII sob diferentes denominações, tais como Paratela” “Feitosa”, “Domezi”, “Domenci”.

Segundo o Monsenhor J. A. Ferreira, “Portela de Castata” corresponde à Freguesia de Feitosa também chamada “Domez”, limítrofe de Fornelos e das duas freguesias de Rebordões. O topónimo Portela talvez esteja relacionado com o lugar de Portela, na vizinha freguesia de Souto de Rebordões.

Pelas Inquirições de 1220, de D. Afonso II, verifica-se que a igreja de S. Salvador pertencia a Braga, enquadrando-se na Terra de Penela.

Na taxação das igrejas do arcebispado de Braga, a que se procedeu no reinado de D. Dínis, em 1320, foi tabelada em apenas 40 libras.

Em 1258, o Livro de Benefícios e Comendas refere-a ainda sobre a designação de “São Salvador de Domez”, da Terra de Penela, dizendo-a anexa ao priorado de Ponte de Lima.

Américo Costa descreve São Salvador de Feitosa como vigairaria, anexa ao priorado de Ponte de Lima e da apresentação do seu prior. Foi cabeça do couto de Feitosa, de que eram senhores donatários os arcebispos de Braga, situando entre os antigos concelhos de Souto de Rebordões e Ponte de Lima, na comarca de Braga».

Assentam nesta freguesia várias industrias, lojas comerciais, serviços e construção civil, dando a estas terras uma vida económica pautada num evidente progresso.

O Campo de Golfe de Ponte de Lima; as belezas ribeirinhas do rio Trovela, rio que, outrora, com seus moinhos marcava um dos componentes económicos da freguesia; os aspectos rurais da freguesia; as vistas panorâmicas observadas dos locais mais elevados da freguesia sobre o vale do Lima; as casas senhoriais e o património histórico edificado de Feitosa, são atracções turísticas de relevo.

Fontes consultadas: Dicionário Enciclopédico das Freguesias, Freguesias , Inventário Colectivo dos Registros Paroquiais Vol. 2 Norte Arquivos Nacionais /Torre do Tombo.

 

258 743 856
jffeitosa@sapo.pt
 
Calendário
NOTÍCIAS RECENTES
TAGS POPULARES

facebook